Kelly Slater, Greg Long e todas as maiores celebridades do surfe de ondas grandes se reuniram hoje sob um céu nublado na Baía de Waimea para a tradicional cerimônia de abertura do 26º aniversário do Quiksilver em Memória de Eddie Aikau.

Todo ano em dezembro, durante a temporada havaiana, as atenções ficam voltadas a prestigiosa lista de convidados composta por 28 surfistas que deverão encarar ondas gigantescas em Waimea – assim como Eddie surfou em seu tempo.

Homenagem extra:

Este ano temos a recente perda dos ex-convidados Andy Irons e Marvin Foster, ambos do Hawaii, na qual o mundo do surf tem refletido sobre a importância de encontros como este e o papel que desempenham em honrar a história do sufista e também do esporte.

“O falecimento desses amigos mais uma vez nos lembram a vida e a perda de Eddie,” disse o havaiano Kahu Billy Mitchell, rodeado pela família Aikau.

História:

O Quiksilver em Memória de Eddie Aikau, que acontece em homenagem ao lendário waterman havaiano, Eddie Aikau e reúne os mais dinâmicos e experientes surfistas de ondas grandes do mundo, é considerado o maior desafio de um “big rider”, que usa sua força física para remar e dropar ondas gigantes. A Monster Energy apresentará o Prêmio Monster Drop, que vai escolher o surfista que completar o drop mais difícil durante o campeonato. 

Os juízes irão determinar o vencedor no dia da competição e o surfista escolhido receberá o Prêmio Especial Monster Drop. Há 33 anos, com apenas aos 31 anos de idade, Aikau perdeu sua vida numa tentativa de salvar os outros, mas longe de ser esquecida, sua vida, as ondas que surfou, e as vidas que salvou na Baía de Waimea, se tornaram parte da história, passada de pessoa a pessoa pelo mundo, como uma onda procurando à costa.

Kelly Slater e os melhores surfistas do mundo participam da abertura do Eddie Aikau

Sem mais artigos