<br>
A polêmica em torno da realização de jogos am cidades com altitude superior a 2,750 metros continua. Nesta segunda-feira, o presidente do Flamengo, Márcio Braga, disse que São Paulo, Fluminense e Cruzeiro se juntaram ao Rubro-Negro na ‘cruzada’ contra a altitude.

De acordo com o dirigente flamenguista, somente o Santos não se manifestou ainda. Os quatro clubes pretendem, até o final da semana, enviar ao Tribunal do Esporte da FIFA um pedido de que não sejam permitidas partidas em locais com altitude acima de 2,750 metros.

No último dia 23, a Conmebol divulgou sua decisão de apoiar a Bolívia, que se manifestou contra o desejo de alguns clubes e seleções de proibirem partidas em cidades com altitude superior a 2,750 metros. Na ocasião, a entidade garantiu que os jogos da Taça Libertadores serão normalmente realizados em cidades em tais condições.

<b>LEIA TAMBÉM:</b>
<a target=_blank href=http://www.virgula.com.br/esporte/novo/nota.php?ID=23555>Especial: futebol leva brasileiros aos 4 cantos do mundo</a>

Sem mais artigos