<br>Depois da primeira derrota no Paulistão, para o Ituano, por 1 a 0, em Piracicaba, Vanderlei Luxemburgo deixou vir à tona toda a sua irritação com a equipe, e disse não temer fazer dispensas no grupo.

“Eu não nasci para perder. Vou identificar no grupo quem tem o meu perfil e age como eu. Acredito em mim e vou fazer o Palmeiras campeão. Se eu descobrir que tem gente que pensa diferente, vou ter que fazer reposição”, esbravejou o técnico.

Mesmo com esse tom, Luxa descartou a possibilidade de insatisfação com a conduta dos atletas ou perseguição: “É só um processo de busca de identidade da equipe. O time deixou a desejar contra o Mirassol e de novo contra o Ituano”.

<b>LEIA TAMBÉM:</b>
<a target=_blank href=http://www.virgula.com.br/esporte/novo/nota.php?ID=23367>Palmeiras perde para o Ituano em Piracicaba</a>

Sem mais artigos