<br>O antes ídolo corintiano Lulinha virou vilão para a torcida. Vem sendo até vaiado durante os jogos da equipe por não marcar gols e por atuações irregulares. Mas tem um defensor no clube: o técnico Mano Menezes.

Terça-feira, no treino da equipe que se prepara para o jogo contra o Goiás, pela Copa do Brasil, dia 30, Mano afimou apesar da má fase do atacante e da cobrança da torcida, quer mantê-lo na equipe. "Nessa hora, o melhor lugar para ele é o Corinthians> Nem por empréstimo acharia certo (ele sair)", declarou.

Sem mais artigos