<br>
O técnico do Corinthians, Mano Menezes, foi absolvido nesta segunda-feira pelo Tribunal de Justiça Desportiva de São Paulo. O treinador terá de pagar uma multa de cinco mil reais e poderá seguir normalmente no comando da equipe.

Na partida contra o Ituano, Mano teria chamado o árbitro de "louco" por este ter dado quatro minutos de acréscimo. "De forma alguma ele foi desrespeitoso. A palavra louco foi uma expressão momentânea. O jogo não teve tantas paradas para que ele desse quatro minutos de acréscimo", argumentou a defesa corintiana.

O Corinthians também foi multado, por se atrasar em um minuto para entrar em campo. O clube alvinegro terá de pagar a quantia de 1 mil reais como multa, conforme artigo 215 do CBDJ ("deixar de apresentar a sua equipe em campo até a hora marcada para o início ou reinício da partida").

<b>LEIA TAMBÉM:</b>
<a target=_blank href=http://www.virgula.com.br/esporte/novo/nota.php?ID=23694>Corinthians acerta com jovem volante</a>

Sem mais artigos