<br> O vice-presidente da Mercedes, Norbert Haug, já teria confirmado a saída do espanhol Fernando Alonso da McLaren.

"Há vezes em que é preciso colocar um ponto final, como ocorreu com Montoya. Às vezes é necessário se separar", afirma o dirigente ao jornal espanhol <i>Marca</i>.

Ainda nesta semana, a imprensa espanhola divulgou que a McLaren não fará forças para segurar o piloto, insclusive liberando-o sem cobrar a multa recisória.

A Mercedes, que é sócia majoritária da McLaren, teria reunido seu Conselho Administrativo na Alemanha e chegado a conclusão de que a saída do piloto seria a melhor opção.

Ainda segunda a imprensa espanhola, a equipe favorita para ter Alonso em 2008 é a Renault, escuderia pela qual o espanhol foi bicampeão em 2005 e 2006.

<b>
<a target=http://www.virgula.com.br/esporte/novo/nota.php?ID=21669>Vou ao autódromo, o que devo fazer!</a>

Sem mais artigos