Hoje é o meu primeiro dia no site Virgula e nada melhor do que falar de um esporte que sou apaixonada para iniciar esta nova fase profissional. Quem conhece um pouco da minha vida, certamente arriscaria um palpite certeiro. Quem falou surf, parabéns!!!!!! A partir de agora contarei um pouco da história, dos campeonatos, dos bastidores, dos atletas e tudo que vocês tiverem curiosidade de saber sobre este esporte tão fascinante e que desafia cada vez mais os que o praticam.

Diz a lenda que o surf começou nas Ilhas Polinésias há mais ou menos 1500 (mil e quinhentos) anos atrás. Passou pelo Hawaii, Europa, Califórnia e finalmente chegou ao Brasil. Osmar Gonçalves foi o primeiro surfista brasileiro. Os primeiros praticantes de surf surgiram em Santos na década de 30. Nos anos 40, durante a segunda guerra mundial, o Rio de Janeiro serviu de base naval dos aliados e recebeu a visita de americanos que trouxeram suas pranchas de surf, máscaras de mergulho e pés de pato, dando início aos esportes na praia. Nos anos 50 as praias cariocas enchiam nos fins de semana e surgiram nomes como Paulo Preguiça, Arduínuo Colassanti, Luiz Bisão Vital, entre outros. Todos utilizavam pranchas de madeiras chamadas de portas de igreja. Nos anos 70 o que mandava no surf era o estilo. O tubo era e ainda é considerado o momento máximo do surf. Já nos anos 80 houve a explosão comercial do esporte. As competições e o dinheiro acabaram estragando o real espírito do esporte. Na virada da década de 90 as pranchas passaram a ser mais leves, aumentando a velocidade dos surfistas nas ondas, que passaram a mandar manobras incríveis , impraticáveis e imprevisíveis, caracterizando a nova geração do surf. Nos últimos anos os longboarders começaram a ressurgir nas praias possibilitando a volta de surfistas mais antigos e promovendo assim uma mistura de gerações.

Até a próxima e boas ondas…

<a href="mailto:mulheresemcampo@corp.virgula.com.br"><font face="Verdana" color=#FFFFFF>Mande um e-mail dizendo o que você achou da Coluna</font></a>

Sem mais artigos