Uma das contratações mais caras da história do Chelsea, o atacante Fernando Torres não deixou saudade ao ser praticamente “doado” ao Milan após três anos e meio de mau futebol. Com mais dois anos de contrato, passará todo este período emprestado ao clube italiano. Ou seja, não deve mais jogar pelos Blues.

José Mourinho falou a respeito da cessão do jogador, mas em tom de brincadeira.

“Eu sou interista, portanto preferia que ele tivesse se transferido para a Internazionale“, disse o técnico, que venceu campeonato italiano, Liga dos Campeões e Mundial da Fifa com o rival do time rossonero na temporada 2009/2010.

Até que ponto a declaração do português pode ser vista como ironia? Por ser interista, então, não é “bom” ceder um artilheiro de fama, mas que não faz gols, ao maior rival?

Mourinho ainda discorreu mais sobre o assunto, limpando a própria barra.

“Ainda assim, espero que ele vá bem no Milan. Tudo o que posso dizer sobre Fernando (foto abaixo, à direita) é que não tenho dúvidas sobre ele, nem como pessoa, nem como profissional”, finalizou.

Sem mais artigos