Aos 50 anos e com uma carreira brilhante, parece que o técnico José Mourinho já tem planos para quando deixar o banco de reservas. Segundo o próprio, a televisão está cheia de comentarias “pró-Liverpool” e, então, quando se aposentar aos 75 anos, irá “defender” o seu atual clube, o Chelsea, nas telinhas.

“Tem muita gente na TV, mas ninguém do Chelsea. Carragher, Liverpool. Thompson, Liverpool. Redknapp, Liverpool. Neville, Manchester United. Nós não temos nenhum. Quando eu me aposentar, aos 75 anos, serei comentarista para defender o Chelsea na televisão”, declarou citando estrelas dos outros times que agora estão na imprensa.

Um dos lances questionados pelo treinador após o clássico entre os Blues e o Liverpool, no último domingo (29), foi uma jogada envolvendo o atacante adversário, Luis Suárez. O uruguaio é conhecido por simular algumas faltas, e no jogo em questão tentou ludibriar o juiz após uma jogada com o lateral César Azpilicueta e o artilheiro Samuel Eto’o (assista abaixo).

“O Eto’o chegou perto (de Suárez) e pareceu que alguém o acertou com um tiro. Não é bom para o jogo. Ele (Suárez) deu um pulo acrobático em uma piscina para tentar conseguir um pênalti, já que ele é esperto e sabia que estava na área com os torcedores do Liverpool atrás”, lembrou o português.

Mourinho ainda disse que se fosse um jogador do seu time, pediria para que tal ação não fosse mais feita.

Sem mais artigos