A 20ª edição do Campeonato Mundial de handebol feminino, sediada em quatro cidades de São Paulo, terá início nesta sexta-feira e contará com 24 seleções participantes.

O campeão do torneio garantirá vaga nos Jogos Olímpicos de Londres 2012 e no Campeonato Mundial da Sérvia, em 2013. No entanto, as outras seis melhores equipes que ficarem atrás do vencedor terão direito a disputar em maio uma repescagem para as Olimpíadas.

Até agora garantiram passaporte para Londres as seleções da Inglaterra, como país sede, Noruega, como campeã europeia, Coreia do Sul e Brasil, que garantiu sua vaga ao conquistar a medalha de ouro nos Jogos Pan-Americanos de outubro em Guadalajara.

Na fase eliminatória do Mundial, entre os dias 2 e 9 de dezembro, as 24 seleções, divididas em quatro grupos, competirão em quatro sedes: São Paulo, Barueri, São Bernardo do Campo e Santos.

Os quatro melhores de cada grupo serão classificados às oitavas de final e os outros oito disputarão a chamada Copa Presidente, que definirá as posições entre o 17º e o 24º.

A partir das quartas de final, no dia 14 de dezembro, todos os jogos serão disputados no ginásio Ibirapuera, em São Paulo. As semifinais estão previstas para o dia 16 de dezembro e a final para o domingo, 18 de dezembro.

O Brasil será o terceiro país fora da Europa a organizar o Mundial de Handebol Feminino, que já foi sediado na Coreia do Sul (1990) e na China (2009).

O jogo de abertura do Mundial acontecerá nesta sexta-feira, com o duelo entre Brasil e Cuba. No sábado outros dez confrontos serão realizados.

Mundial de handebol feminino começa nesta sexta-feira em São Paulo

Sem mais artigos