Na madrugada deste sábado, (14), um operário das obras da Arena da Amazônia faleceu após despencar de uma altura de 40 metros. Segundo testemunhas que trabalham no local, Marcleudo de Melo Ferreira tinhha 23 anos e era natural de Limoeiro do Norte, no Ceará.

De acordo com os companheiros da obra, que será um dos estádios da Copa do Mundo 2014, Marcleudo caiu em cima de uma cadeira que ficou danificada, próximo ao escanteio no lado direito do estádio. O operário chegou a ser levado ainda com vida ao Pronto-Socorro 28 de Agosto, na Zona Centro-Sul de Manaus, mas não resistiu. O corpo passa por perícia no Instituto Médico Legal (IML).

Segundo a Unidade Gestora do Projeto Copa (UGP), as visitas ao local foram suspensas e as obras no estádio deverão ficar paralisadas até a próxima segunda-feira, (16). Este foi o segundo acidente com vítima fatal na Arena da Amazônia.

Em maio deste ano, Raimundo Nonato Lima da Costa, de 49 anos, teria se desequilibrado e caído de uma altura estimada de cinco metros após tentar passar de uma coluna para o andaime, segundo a Polícia Militar (PM). A morte foi ocasionada por traumatismo craniano.

Sem mais artigos