O Palmeiras oficializou, na manhã desta quarta-feira, o novo patrocínio master do clube. Em um evento que contou com técnico Luiz Felipe Scolari, com o presidente Arnaldo Tirone e com o supervisor de futebol Galeano, o Verdão apresentou a parceria com a montadora coreana Kia Motors.

Os valores não foram confirmados, mas especulações dão conta que o Palmeiras receberá cerca de R$ 25 milhões por ano. O contrato com a montadora é de três temporadas. Ao lado do presidente da Kia no Brasil, José Luiz Gandini, Tirone comemorou o acerto.

“É um novo marco para o Palmeiras em 2012, temos muito de mostrar, vamos mostrar a partir de hoje que o Palmeiras é grande, sempre se manteve apesar das adversidades normais do futebol, vamos ter essa parceria, ficamos mais motivados, animados, convictos de que estamos no caminho certo. O nome Kia ficou muito bonito na camisa. O Gandini é um grande palmeirense. Chegamos a um acordo bom para os dois. Tenho certeza que será um sucesso”, destacou o mandatário alviverde. O presidente da Kia também fez questão de enaltecer o acordo.

“Estamos muito felizes com essa parceria, estamos há vinte anos no Brasil. Sempre apoiamos o esporte, está no DNA da Kia a vocação pelo esporte. Tenho certeza que será um sucesso estar ao lado do Palmeiras, estou muito feliz. O contrato é de patrocínio da camisa. Não quer dizer que no futuro não possamos estender a parceria. Vamos conversar a partir de agora. O que sei é que o Tirone e o Felipão vão andar de Kia daqui para frente. Está no contrato”, brincou Gandini.

Além da montadora Kia, o Palmeiras conta com os patrocínios do banco BMG, da escola de idiomas Skill e da empresa de telefonia TIM na camisa. As publicidades rendem R$ 5 milhões aos cofres do clube de Palestra Itália.

Palmeiras oficializa acordo com montadora Kia

Sem mais artigos