O presidente regional da Catalunha, Artur Mas, falou nesta terça-feira (09) no Rio de Janeiro, sede dos Jogos Olímpicos de 2016, sobre a experiência de Barcelona na organização das Jogos de 1992.

“A experiência de Barcelona pode servir, seguramente, ao Rio de Janeiro”, disse Mas durante a abertura de um seminário de empresários focado na organização do próximo evento olímpico.

Mas sugeriu que o Rio use os Jogos “como grande desculpa e motor de transformação” urbanística e para “tirar grande rendimento” econômico, assim como fez a capital catalã em 1992.

“O êxito maior não foram os Jogos em si, mas organizá-los pensando no dia seguinte”, disse Mas, em alusão à importância do legado que ficou para a cidade.

Nesse sentido, ele especificou que as Olimpíadas podem ser um “motor de mudança” para superar os desafios que o Rio enfrenta na área urbanística, de organização da cidade e do ponto de vista social.

Entre outros temas, o seminário abordou o projeto de reforma do porto de Barcelona, que serviu de exemplo para a revitalização dos píeres do Rio, área atualmente degradada que deve se transformar em um centro de lazer similar ao Maremagnum de Barcelona. 

Sem mais artigos