<br> O São Paulo já deixou mais que claro que espera contar com o atacante Adriano para o ano de 2008. No entanto, a diretoria da Inter de Milão segue complicando a saída do atleta. Dessa vez, foi o presidente do clube, Massimo Moratti, que diz esperar pelo jogador no primeiro semestre de 2008, para ajudar o clube na segunda metade da temporada européia. “Eu quero o Adriano aqui novamente em janeiro, forte e disposto como antes. Está definido que ele ficará conosco e nos ajudará na reta decisiva do próximo ano”, diz Moratti ao jornal italiano, <i>La Gazzetta Dello Sport</i>.

Dois representantes da Inter estão no Brasil para acompanhar a recuperação do atacante. Marco Branca, diretor esportivo, e Franco Combi, chefe do departamento médico seguem de perto o treinamento que acontece no reffis Tricolor. Os dirigentes são gratos aos profissionais do São Paulo, que trabalham intensamente na recuperação do jogador. Mas não acreditam que isso facilitará a contratação do jogador. “Ele teve problemas familiares que afetaram sua concentração. Nós o deixaremos tranqüilo para continuar seu programa de recuperação e estamos confiantes que esse grande talento voltará a ser o que era há um ano”, afirma o dirigente, Marco Branca.

A intenção do Tricolor é contratar o jogador com um contrato de seis meses, para que ele possa disputar a Libertadores da América pelo clube. Assim, ele recuperaria o ritmo e voltaria para a Inter de Milão com a força de antes, a fim de disputar a temporada européia de 2008/2009, que tem início em agosto do próximo ano.

<b>Veja também:
<a target=_blank href=http://www.virgula.com.br/esporte/novo/nota.php?ID=22500>Kaká quer pegar o Boca Juniors por causa da rivalidade!</a>

Sem mais artigos