Presidente estadual do PSOL em São Paulo, o vereador Paulo Bufalo negou que o partido tenha procurado o zagueiro Paulo André, do Corinthians, para uma possível filiação na legenda, conforme informou o jornal Lance! nesta sexta-feira (clique aqui e relembre). Em conversa com o Virgula Esporte, o político revelou que não houve nenhuma conversa com um dos líderes do movimento Bom Senso FC, mas deixou claro que o nome do jogador de 30 anos agrada.

“Saiu uma notícia de que ele tinha manifestado o interesse em entrar na política e que um dos partidos que o agradava era o PSOL. Por obrigação, como presidente estadual da legenda, preciso procurá-lo. Como ele deve estar em concentração agora, a gente vai esperar um pouquinho para tentar um contato com o Paulo”, disse Bufalo.

“Ele não nos procurou e também não o procuramos. Se ele vier até nós antes, vamos abraçá-lo com muita alegria”, completou o político, sem saber que o jogador teve férias antecipadas e não enfrenta o Náutico sábado (07), às 19h30, na Arena Pernambuco.

De acordo com a informação publicada pela coluna De Prima, assinada pelo jornalista Marcelo Damato, Paulo André foi procurado por mais de um partido, mas não teria vontade de entrar no cenário político neste momento e ainda não pensa em se aposentar dos gramados, já que está com 30 anos.

Como o zagueiro, caso mostrasse interesse em se filiar a algum partido, não pode concorrer a nenhum cargo nas eleições de 2014, já que é necessário a filiação a um partido por, no mínimo, um ano. Desta forma, não existe a possibilidade de vermos Paulo André lutando no pleito do ano que vem, que definirá os novos presidente, governadores, 1/3 dos senadores, deputados federais e estaduais.

Paulo Bufalo gostou da postura de Paulo André como um dos responsáveis pelo movimento Bom Senso FC e garantiu que, mesmo não conseguindo levar o zagueiro para o PSOL, tentará pelo menos um contato mais próximo com o jogador do Corinthians.

“Se não conseguirmos uma filiação, uma opinião dele em alguns assuntos já é de suma importância. Nós estamos aberto ao diálogo. Notamos que ele, assim como nós, é contra a ordem estabelecida por lideranças do país. A ideia do Bom Senso vem de encontro com o nosso pensamento e isso é muito bom”, afirmou.

Presidente do PSOL diz que nome de Paulo André agrada e elogia Bom Senso FC

Sem mais artigos