Há alguns meses, as negociações para a renovação de contrato do alemão Ralf Schumacher com a Williams se arrastam. Piloto e escuderia brigam por dinheiro. Ralf, que ganha US$ 15 milhões por ano, quer ganhar US$ 25 mi. O time planeja reduzir esse valor para US$ 10 milhões. As dificuldades na negociação fizeram surgir, no fim de 2003, especulações dando conta da saída do piloto da equipe no fim desta temporada. Hoje, Ralf admitiu essa possibilidade em entrevista ao tablóide "Bild am Sonntag". "Eu não estou frustrado, mas é difícil entender algumas coisas que têm acontecido nos últimos meses. Seria duro deixar meus amigos da BMW, mas isso pode acontecer", disse o alemão. Ralf confessou que está decepcionado com Frank Williams e a maneira como o dono da equipe o tem tratado. "Estou muito desapontado com ele. Frank disse que eu só penso em dinheiro, mas eu quero assinar", garantiu. De acordo com o mais novo dos irmãos Schumacher, uma reunião havia sido marcada durante o GP do Japão, mas Williams não apareceu e depois retirou a oferta que já tinha feito.

Sem mais artigos