A vitória do Brasil contra a Sérvia por 1 a 0 não teve o efeito esperado na preparação para a Copa, principalmente pela fraca atuação dos comandados de Luiz Felipe Scolari, mas bateu dois recordes de arrecadação. A partida realizada no Morumbi teve mais 63 mil pagantes e renda de R$ 8.693.940,00, a maior da história da Seleção Brasileira e também do estádio.

A renda da partida desta sexta (07) ultrapassou a arrecadação de Brasil x Inglaterra, jogo realizado no Macaranã em junho de 2013, então a maior da história da Seleção Brasileira com R$ 8.615.730,00. Já a maior do Morumbi era a da semifinal da Libertadores da América de 2010, entre São Paulo e Internacional, com valor de R$ 4.484.282,25.

Da partida entre Brasil e Sérvia, o São Paulo, dono do Morumbi, vai ficar com 12% da valor da arrecadação, com lucro de R$ 1.043,272,80.

Sem mais artigos