<br>O São Paulo está inconformado com a perda do atacante Aloísio e achou um culpado para a grave lesão sofrida pelo atacante: o gramado do estádio Marcelo Stefani, em Bragança Paulista. No jogo do último domingo, Aloísio disputou uma bola pelo alto e, ao se apoiar no piso, considerado irregular demais pela diretoria tricolor, torceu o tornozelo.

Muricy afirmou que o campo do estádio do Bragantino é qualquer coisa, menos um gramado para a prática do futebol. A diretoria do São Paulo está fazendo coro ao técnico e diz que pedirá para a Federação Paulista de Futebol, o veto aos jogos no Marcelo Stefani. As alegações são de que as condições do campo podem ser muito perigosas para os atletas e que para jogar lá, precisa-se é de sorte, e não técnica e tática, preceitos do futebol.

Aloísio deve ficar de fora dos jogos do Tricolor por até quatro meses, e como Adriano vai embora no meio do ano, a diretoria já se mobiliza para encontrar novos atacantes no mercado da bola.

<b>LEIA TAMBÉM:</b>
<a target=_blank href=http://www.virgula.com.br/esporte/novo/nota.php?ID=24489>Muricy admite que futebol do São Paulo é ‘feio de se ver’ </a>

Sem mais artigos