Nesta segunda-feira, a seleção brasileira feminina de vôlei desembarcou no Aeroporto Internacional de Guarulhos, em São Paulo. Apesar de não ter conquistado o título inédito, o time dirigido pelo técnico José Roberto Guimarães atingiu o principal objetivo na temporada: a vaga para as Olimpíadas de Atenas. "Foi uma grande maratona. Infelizmente, enfrentamos as chinesas na estréia e perdemos. Depois, nos recuperamos diante da Turquia e da Polônia. Vivemos momentos difíceis nos jogos contra República Dominicana e Cuba, os quais ganhamos por 3 sets a 2. A partir daí, o time começou a se soltar e cresceu na competição. A última etapa foi a mais difícil e crucial para a classificação. E foi o nosso melhor momento. Vencemos Japão, Estados Unidos e Itália jogando o nosso melhor voleibol", analisou Zé Roberto.

Com o primeiro objetivo alcançado, o treinador brasileiro já está com seus pensamentos voltados para Atenas. "Vimos nesta Copa do Mundo um equilíbrio muito grande entre os times. Por isso, não podemos parar. As jogadoras voltarão aos seus times para disputar a Superliga e não podem parar de trabalhar. Elas precisam aprimorar os aspectos físico e técnico. O importante agora é se manter bem. Até Atenas, o tempo é curto. Faltam menos de 10 meses. Não temos tempo a perder", ressaltou.

Entre as jogadoras o pensamento é mesmo. "Foi uma competição desgastante. Conseguimos 10 vitórias em 11 jogos. O saldo foi bastante positivo. Voltamos satisfeitas com a vaga garantida, mas sabendo que ainda falta um pouquinho para conseguirmos o ouro em Atenas. E é atrás deste pouco que temos que correr. Cada jogadora precisa continuar trabalhando em seu clube para que, quando voltarmos à seleção, possamos continuar os treinamentos visando os Jogos Olímpicos", completou a atacante Virna.

Durante a coletiva de imprensa, as jogadoras sentiram o carinho da torcida brasileira. Os fãs compareceram ao Aeroporto de Guarulhos para saudar as atletas. Das 12 jogadoras que participaram da Copa do Mundo, apenas a levantadora Fernanda Venturini, a meio-de-rede Valeskinha e a oposto Bia não participaram do encontro com a imprensa. As jogadoras seguiram no vôo procedente do Japão com destino para o Rio de Janeiro.

Sem mais artigos