<br>
A seleção brasileira não apresentou um bom futebol neste domingo e ficou no empate com o Peru, em Lima. O resultado – 1 a 1 – deixa o Brasil com 5 pontos nestas Eliminatórias, enquanto a Argentina é líder, com 10 pontos (100 % de aproveitamento).

Apesar de superior tecnicamente, a seleção do técnico Dunga se mostrou perdida em campo, abusando das jogadas pelo meio. O Peru, empurrado pelos mais de 70 mil torcedores que compareceram ao Monumental de Lima, foi para o ataque e teve chances de vencer a partida.

O jogo começpou eletrizante, com as duas equipes indo ao ataque. O gol, porém, só foi sair aos 39 minutos, quando Kaká arriscou chute de fora da área e marcou um belo gol, o terceiro do meia do Milan nesta competição.

Na segunda etapa, a seleção brasileira não mostrou o mesmo ímpeto do começo. Os dez primeiros minutos do segundo tempo não mostrou nenhuma boa jogada de ambas as equipes. O Peru, porém, sabia que podia chegar ao empate, dada a desorganização e lentidão da equipe brasileira.

Isso aconteceu aos 26 minutos, quando Vargas aproveitou sobra de um bate-rebate na área e chutou; a bola bateu no pé do zagueiro brasileiro Lúcio e foi para o fundo do gol de Júlio César.

A torcida, que já estava apoiando o time, explodiu de alegria. Os peruanos viram que era possível vencer a toda poderosa seleção. Em todas as tentaivas, porém, pararam em suas próprias limitações ou nos cortes precisos de Juan e Lúcio – principalmente do primeiro, que ainda cabeceou uma bola na trave aos 48 do segundo tempo.

<b>Já que o Brasil foi mal…</b>
<a target=_blank href=http://www.virgula.com.br/esporte/galeria/index.php?id=13116>Relembre os ‘esquecidos’ do professor Dunga</a>

Sem mais artigos