Em eleição feita pelo site italiano Volleyball.it divulgada nesta quinta-feira (28), a brasileira Sheilla foi eleita a melhor oposta do mundo do vôlei em 2012, batendo novamente a americana Destinee Hooker, que foi vice-campeã olímpica perdendo a final para o Brasil. Com 981 votos, a jogadora ficou bem à frente da rival no “Globo do Vôlei”, que levou 503.

A eleição é anual e sempre coloca frente a frente as atletas de mais destaque no vôlei mundial, sendo decidida pelo público. No feminino, a ponteira Jaqueline perdeu o prêmio para a coreana Kim Yeon-Koung numa disputa difícil: 1794 a 1571. A meio-de-rede Thaísa, porém, perdeu com folga da italiana Valentina Arrighetti (3060 a 1073).

Já no masculino, os únicos brasileiros que disputaram ficaram cara a cara. A família Rezende, do levantador Bruninho e do técnico Bernardinho levou a melhor sobre Raphael Vieira e Zé Roberto Guimarães, respectivamente. Mesmo com o campeonato olímpico feminino de Zé e com o vice de Bernardinho, este último teve 890 votos contra 765.

 

Sem mais artigos