<br> O clássico entre São Paulo e Corinthians está marcado para 7 de outubro, mas dois provocadores natos, Vampeta e Souza, não perderam a chance de criar uma polêmica.

Vampeta começou dizendo que após bater o time do Santos, chegou a vez de vencer o time do Morumbi. Ele ainda provocou Souza, dizendo que ele tinha tomado a decisão certa em renovar o contrato com o São Paulo até dezembro de 2010, pois seria o único clube no qual o meia poderia atuar.

Nesta terça (4), Souza resolveu se defender.

“Na verdade, eu tenho dó do Vampeta, das coisas que ele fala. A única maneira de ele aparecer no momento é falando. Ele fala que eu não sou bom, mas eu sou. Os números dizem isso e eu provo dentro de campo e não falando. Os números falam mais que o Vampeta", afirma.

O são-paulino também pensa no jogo, e pensa em apagar o último jogo da memória, em que o Timão empatou no último minuto, dando um sabor de derrota ao resultado.

“Essas coisas que ele tem falado só me motivam. Não dá para ser campeão sem ganhar do Corinthians. É um jogo que a torcida não admite perder. Faz cinco anos que eles querem o São Paulo e não conseguem", conclui, lembrando que o rival não bate o São Paulo há quatro anos.

<b>Veja também:
<a target=_blank href=http://www.virgula.com.br/esporte/novo/nota.php?ID=20786>Expulsão de Hugo é analisada pelo STJD!</a>

Sem mais artigos