<br> Nesta quinta (13), durante visita a um projeto social em Santos, o técnico da seleção brasileira de vôlei foi novamente questionado a respeito do corte de Ricardinho às vésperas do Pan do Rio. O treinador novamente falou sobre o caso e assumiu parte da culpa. “O mais importante para mim é assumir a responsabilidade no caso dele. Eu sei que também errei e não nego. Não fujo de minha responsabilidade”, afirma o treinador.

O motivo real da dispensa do levantador não foi divulgado, já que o grupo quer manter o assunto interno. Por isso, diversas especulações sobre o corte foram feitas. No entanto, Bernardinho voltou a falar que a relação se desgastou. “Em relações de muito tempo é normal o desgaste. Espero que a gente possa amadurecer com essa história. Volto a dizer que as portas estão abertas para ele, só não sei o que ele pensa sobre isso tudo”, finaliza.

<b>Veja também:
<a target=_blank href=http://www.virgula.com.br/esporte/novo/nota.php?ID=22525>Bernardinho: ‘Ricardinho prejudicava o grupo’!</a>

'Também errei', admite Bernardinho sobre corte de Ricardinho

Sem mais artigos