O final de semana que era para terminar com muita festa no futebol argentino, por conta do título nacional conquistado pelo San Lorenzo após o empate em 0 a 0 com o Vélez Sarsfield, acabou em tragédia. Uma van que carregava torcedores do Newell’s Old Boy foi alvejada ao sair da cidade de Rosário, após o 2 a 2 contra o Lanús, que também brigava pelo Campeonato Argentino, deixando dois mortes e dois feridos, entre eles uma menina de nove anos de idade, que não corre perigo.

O transporte com membros da torcida do Newell’s estava deixando a cidade de Rosario para voltar a Buenos Aires, quando foram abordados na periferia da cidade, nas proximidades da região de Boulevard Oroño e Lamadrid, por uma moto com duas pessoas. Uma discussão intensa tomou conta do local quando a motocicleta passou no semáforo e iniciou o tiroteio contra a van.

Segundo informação da polícia local, o motorista do veículo e o torcedor que estava no banco do passageiro foram mortos, enquanto que uma mulher e uma garota de nove anos permanecem no hospital Clemente Alvarez, mas já fora de perigo.

San Lorenzo, Lanús, Vélez Sarsfield e Newell’s Old Boys chegaram a última rodada do Campeonato Argentino com chances de conquistar o título. Como eram dois duelos diretos, os dois empates, por 0 a 0 e 2 a 2, deixou o time do Papa Francisco com o troféu ao terminar a competição com 33 pontos, dois a mais que os três rivais.

O caso de violência aconteceu exatamente uma semana após as cenas de vandalismo protagonizadas por torcedores de Atlético-PR e Vasco nas arquibancadas da Arena Joiville, no último dia 8 de dezembro, pela última rodada do Campeonato Brasileiro (clique aqui e ouça o relato de um dos repórteres que estava no local). 

Sem mais artigos