O UFC deve trocar de “casa” para o evento que fará em São Paulo, no dia 16 de junho. Se antes o Estádio do Morumbi era tido como certo para receber as lutas do megaevento de MMA, agora o Estádio do Pacaembu aparece como os favorito, de acordo com informações do site “IG”.

As conversas para oficializar o estádio municipal como sede do evento devem ser concretizadas ainda nesta semana. A própria direção do UFC deu como prazo máximo para que a situação seja definida de até dez dias.

A preferência pelo Pacaembu diminuiria a capacidade de público do evento, mas aproximaria e deixaria mais confortáveis as pessoas que quiserem ir assistir as lutas no estádio.

E mesmo não utilizando o Morumbi, os dirigentes do Ultimate acreditam que ainda é possível bater o recorde de público da história do UFC. Ele foi atingido no UFC 129, em Toronto, quando 55 mil pessoas assistiram ao evento.

Com capacidade de arquibancada de quase 40 mil pessoas, a ideia da organização do UFC é colocar cadeiras também no gramado do Pacaembu e chegar a um número superior aos 55 mil do Canadá.

O UFC em São Paulo deverá contar com a presença de Anderson Silva, que enfrentará o vencedor do combate entre Chael Sonnen e Mark Muñoz, luta que ocorre no fim deste mês. A reedição de Vitor Belfort e Wanderlei Silva, protagonistas do reality show “The Ultimate Fighter” no Brasil, também é uma luta que deve fazer parte do card principal.

Sem mais artigos