<br>Depois de muita polêmica durante toda a semana, o Palmeiras venceu o São Paulo por 2 a 0, com gols de Léo Lima e Valdívia, e está na final do Campeonato Paulista. Agora, o Verdão enfrenta a Ponte Preta, que ganhou do Guaratinguetá, ontem, no Vale do Paraíba.

O jogo começou com as duas equipe se estudando, mas logo o Palmeiras mostrou a sua superioridade. Com maior posse de bola, o time alviverde se impôs e, aos 22 minutos, Léo Lima bateu de fora da área para marcar, após falha de Rogério Ceni. Ainda com Léo Lima, um dos melhores em campo, o time do técnico Vanderlei Luxemburgo teve várias chances de ampliar o placar, mas ficou no quase.

No intervalo, a equipe do Morumbi não desceu para os vestiários, alegando que um gás os impedia de descer os túneis de acesso. No gramado, Muricy decidiu colocar Borges no lugar de Dagoberto, mas nada adiantou. O Palmeiras continuou melhor, e o Tricolor só assustava nos escanteios, sempre bem defendidos por Marcos. Aos 38, em rápido contra-ataque, o chileno Valdivia decidiu o jogo e fez o Palestra explodir com os 2 a 0.

Enquanto a torcida ainda comemorava, a luz do estádio se apagou e só o que se viam eram as camisas fosforescentes dos torcedores. No reinício do jogo, o time de Muricy Ramalho já não tinha forças para empatar o jogo, e o Verdão garantiu a vaga na decisão.

<b>LEIA MAIS:</b>
<a target=_blank href=http://www.virgula.com.br/esporte/novo/nota.php?ID=24854> Veja como foi o clássico da semifinal do Paulistão

Sem mais artigos