<br>
Depois de derrotar o Brasil por duas vezes em Copas do Mundo, o francês Zinedine Zidane finalmente perdeu uma partida. Desta vez, foi no futsal, na partida comemorativa realizada neste domingo, em São Paulo.

Ao lado de Zidane estavam craques como Rivellino, Mauro Silva, Ronaldão, André Cruz e Paulo Sérgio, além dos jogadores do futsal Pezão (goleiro) e Fininho (atacante). O time – que usava camisas vermelhas – foi derrotado por 4 a 3, de virada.

A equipe vencedora, a azul, contava com nomes como Manoel Tobias, Aldair, Márcio Santos, Mauro Galvão, Djalminha, Wladimir (que saiu lesionado) e Serginho, do futsal.

Zidane foi muito aplaudido quando entrou em quadra. A torcida, toda vestida de azul claro – os torcedores receberam camisetas comemorativas – gritava "Zizou, Zizou". O ex-jogador, educadamente, respondeu aos fãs presentes no Clube Paineiras.

Apesar de não ter marcado nenhum gol, o francês foi disparado o mais aplaudido e acionado pelos outros jogadores. Em uma jogada na segunda etapa da partida, Zidane lembrou os bons tempos de Real Madrid e seleção francesa, ao driblar dois marcadores e chutar forte no gol, para defesa de Pezão.

Quem roubou a cena foi Fininho. O jogador marcou três gols na partida, dois em passes de Zidane. Mas o time azul reagiu e virou o placar, com dois gols de Djalminha e dois de Manoel Tobias.

Após a partida, muitos aplausos para o ex-jogador francês, que entregou a bola do jogo a uma criança que gritava seu nome na arquibancada. O jogo não valia nada, mas finalmente uma equipe brasileira conseguiu parar o maior carrasco da seleção depois de Paolo Rossi, da Itália.

<b>LEIA TAMBÉM:</b>
<a target=_blank href=http://www.virgula.com.br/esporte/novo/nota.php?ID=24189>Craque francês diz que Ronaldo é e sempre será o número 1</a>

Sem mais artigos