Enquanto o maridão, Brad Pitt está rodando o mundo com as estreias de seu novo filme, Guerra Mundial Z, Angelina Jolie atravessou a fronteira de Jaber na Jordânia, nessa terça-feira (18) em apoio aos refugiados da guerra na Síria.

O objetivo da atriz de 38 anos é chamar a atenção do mundo e conscientizar geral, em uma tentativa de resolver a situação, além de entender melhor as necessidades dos dois países envolvidos e outros próximos à região, também afetados pelo conflito devastador.

Angelina deve ficar na Jordânia ao menos até 20 de junho, quando é celebrado o Dia do Refugiado. Em entrevista divulgada no site Just Jared, ela afirmou que a pior crise humanitária do século 21 está se desenrolando no Oriente Médio.

“Até o final deste semestre, metade da população da Síria – dez milhões de pessoas – deve ser deslocada por necessidades desesperadoras”, adianta a ativista mais famosa do mundo. 

Sem mais artigos