Britney Spears tem frequentado uma clínica psicológica por mais de quatro anos e, além disso, tem gente que fica de olho em como a popstar usa o celular e em quais páginas da internet ela entra. A matéria é do site Radar Online de terça-feira (02).

“O celular e a internet de Britney são restritos e intensamente monitorados, e tudo isso é feito por proteção”, contou uma fonte por dentro da situação.

“O pai de Britney, Jamie, e seu noivo, Jason, querem ter certeza que o seu ex-empresário, Sam Lufti, não consiga contatá-la. Britney e Jason compartilham um celular, e o mesmo é rotineiramente checado pra ver quem liga. Além disso, o aparelho é programado para bloquear ligações de números associados a Lufti. O computador de Brit também tem alguns sites bloqueados. Sua família não quer que ela leia histórias com cunho negativo que possam chateá-la. Reafirmo, isso tudo é feito com amor e pelo seu bem-estar”, esmiuçou a fonte.

Enquanto isso, a ordem de restrição que a cantora tinha contra Lufti expirou recentemente. “Após a ordem de restrição ter expirado, o pessoal do consultório faz esforço extra para ter certeza que Sam não entre em contato com Britney, pois não haverá mais alegações criminais caso ele viole os termos da restrição”, disse a fonte.

O ex-empresário está processando Spears por difamação e quebra de contrato, porque não gostou nada do que a mãe da estrela, Lynne, colocou em seu livro Through the Storm, acusando Sam de ter papel importante na decaída pública de Britney a partir de 2007.

Britney Spears tem internet e celular intensamente monitorados para o próprio bem

Sem mais artigos