Formando um casal com alta dosagem erótica em Amor à Vida, Caio Castro e Maria Casadevall, que interpretam Michel e Patrícia, logo viram surgir à sua volta boatos que o romance na ficção também acontecia na realidade. Os dois negaram estar namorando em entrevista par ao jornal O Dia deste domingo (04).

“Patrícia e Michel mexem com o imaginário das pessoas. Por esse motivo, elas querem acreditar que isso pode ser real. Esse tipo de notícia não me incomoda, apesar de ser sem fundamento. Qualquer um pode falar qualquer coisa e vira verdade? Como contra-argumentar é pior, então, deixa falar”, diz a atriz para o jornal.

Caio Castro disse que também não se importa com este tipo de boato: “Já me acostumei. Desde o primeiro personagem até agora, todas as garotas com quem fiz par romântico foram minhas namoradas. Sinceramente, não me incomoda. Só quando uma parceira de cena era casada e lançaram boatos… Na verdade, incomodou mais a ela do que a mim”.

O ator diz que, se tivesse namorando Maria, não teria problema nenhum em assumir: “Amarradão. Como muitos falaram, não tem problema nenhum e não prejudicaria o trabalho”.

Os dois admitem que criaram uma cumplicidade profissional, o que deixa as cenas de sexo muito verossímeis. “Magia inexplicável. Não tenho nenhum problema com o corpo, com toque. O Caio também é supertranquilo. Claro que, às vezes, rola uma brincadeira ou outra da equipe, mas nada além disso. Essas cenas acabam sendo as mais divertidas”.

E o ator arremata: “Por ser uma equipe que eu já conheço e confio, por ser a Maria o meu par romântico — que eu não sei de onde vem tamanha intimidade que eu tenho com ela — me sinto super à vontade”.

Sem mais artigos