Parece que a passagem de Justin Bieber por Israel não foi das mais simpáticas. O governo de Israel afirmou, na quarta-feira (13), que o encontro do primeiro-ministro do país, Benjamin Netanyahu, com o cantor foi cancelado.

De acordo com as autoridades, a assessoria de Justin Bieber teria sugerido a reunião, já que o astro teen viajou a Israel para fazer um show nesta quinta-feira (14). Porém, a informação seria de que a equipe do cantor teria cancelado o evento, em que Netanyahu levaria junto com ele crianças de uma comunidade atacada por militantes de Gaza.

Porém, o assessor do cantor, Scooter Brown, disse que nunca ninguém tentou marcar o encontro. Além disso, em seu Twitter, ele aproveitou para reclamar da perseguição de fotógrafos israelenses. “Eles deveriam sentir vergonha”, postou.

Sem mais artigos