Daniel Rocha conversou com o site da revista Contigo!, em entrevista publicada nesta terça-feira (26), sobre seu personagem em Avenida Brasil, o jogador de futebol Roni, que recentemente tem mostrado um certo carinho por Suelen (Isis Valverde).

“Só sei que ele vai defender a Suelen e os bandidos pegam ele e o machucam bastante. Depois disso, ele a pede em casamento para evitar que ela seja deportada para a Bolívia. Só que eu não sei como vai ser depois do casamento, essa parte a gente ainda não gravou. Ele pode ser apaixonado por ela ou pelo Leandro (Thiago Martins). Isso ainda não foi esclarecido”, revelou o ator.

No início da trama, muito se falou sobre Roni ser homossexual, apesar da falta de indícios. “Acho que ele mesmo ainda não se definiu quanto a sexualidade dele. Nunca teve nenhuma cena dele dando em cima de alguém, nem homem e nem mulher. Eu mesmo agora tenho uma dúvida sobre a opção sexual dele, talvez ainda esteja se descobrindo”, contou Daniel.

Além disso, o ator fala sobre a torcida do público para o desfecho de seu personagem: “Quando a trama começou, alguns ainda elogiavam o fato dele ser um gay, que fugia dos trejeitos, que não fazia parte de um estereótipo, mas agora isso é muito raro de escutar. Todos querem ele com a Suelen”.

Sem mais artigos