Elba Ramalho teve sua Carteira Nacional de Habilitação (CNH) recolhida por três dias, além de ter o veículo apreendido, depois de se negar a fazer o teste do bafômetro. A cantora foi abordada em uma Operação da Lei Seca, na madrugada da quinta-feira (05), no Rio de Janeiro.

A cantora teve seu veículo, um Toyota preto, apreendido porque estava com o IPVA (Imposto de Propriedade de Veículos Automotores) atrasado. Segundo a cantora, ela pagaria o imposto depois da vistoria que estava marcada para a próxima semana.

Ela viajou na última sexta-feira (06) para Belo Horizonte, onde fez um show. Através de sua assessoria, a cantora revelou que tinha bebido uma taça de vinho em um jantar com amigos no Leblon, na zona sul do Rio de Janeiro.

Elba Ramalho se recusou a fazer o teste de alcoolemia usando o argumento legal de que ninguém pode ser obrigado a produzir provas contra si mesmo. A lei seca prevê pena de três a seis anos de prisão para as pessoas condenadas por dirigirem embriagadas.

Elba Ramalho perde carteira em blitz da Lei Seca

Sem mais artigos