Nos bastidores do Criança Esperança, no último sábado (14), Luana Piovani comentou mais uma vez a condenação de Dado Dolabella. Ele foi condenado a dois anos e 9 meses em regime aberto por agredí-la em 2008 em uma boate na Gávea.

“Não sou ninguém para dizer se a sentença foi exagerada ou não. Não sou juíza. Estou satisfeita e feliz por me livrar dessa história. Estou deixando as coisas antigas para trás”, disse a atriz que também informou que pretende testemunhar no processo que a camareira, Dona Esmê, também agredida na mesma ocasião, está movendo contra o ator.

"Estou satisfeita e feliz por me livrar dessa história" comentou Luana sobre a condenação de Dado

Sem mais artigos