Victor Hugo foi barrado em aeroporto horas depois ter alta de hospital

O ex-BBB Victor Hugo falou sobre ser barrado no aeroporto após tentar viajar algums horas depois de deixar a UTI de um hospital, onde tratou sintomas da Covid-19.

O psicólogo divulgou uma nota de esclarecimento nas suas redes sociais dizendo que havia tentado viajar por estar totalmente curado da doença.

“Fui orientado pela equipe médica que me acolheu nos últimos dias que eu já não apresentava mais nenhum sintoma de Covid, estando curado e por isso me deram alta. Me orientaram que eu deveria ir para casa repousar”, dizia o início do texto.

“Meu voo estava marcado para a noite e, como ainda não me sentia totalmente bem disposto, principalmente dor nas pernas pela quantidade de dias que fiquei internado e devido à própria UTI, fiquei receoso quanto à viagem”.

Victor então contou o que acontecera no aeroporto em Maceió. “Imediamente ao chegar procurei o guichê da Azul para me informar melhor e foi autorizado o meu embarque. Recebi meu ticket, passei normalmente por todos os protocolos de segurança do aeroporto como outro passageiro qualquer […]”.

“Percebi que houveram pessoas que se sentiram incomodadas com a minha presença e pouco depois um agente solicitou que eu o acompanhasse novamente ao guichê. Me pediram para que eu apresentasse documentos e, até então, em nenhum momento a companhia aérea havia havia me solicitado ou requisitado qualquer necessidade de documento”, continuou.

“Fiquei extremamente constrangido com a forma de condução da companhia visto que me coloquei à disposição desde o primeiro momento […]”.

Victor Hugo acabou não viajando e pediu o reembolso da passagem aérea. Por fim, o ex-BBB agradeceu a todos que torceram pela sua recuperação.

Sem mais artigos