Depois de ser preso em Miami, na semana passada,  Justin Bieber teve que fazer um exame toxicológico. Nesta quinta-feira (30), o site TMZ afirma que o resultado encontrou presença de maconha e medicamentos na urina do cantor.

A amostra revelou que havia THC (principal substância psicoactiva encontrada na maconha) e Alprazolam (um remédio para controlar a ansiedade) em seu sistema urinário.

O relatório também releva resultado negativo para cocaína, opiáceos, metanfetamina e outras drogas no corpo de Justin no dia 23 de janeiro.

Justin também disse aos policiais que tinha fumado maconha em seu estúdio de gravação durante toda a noite no dia que foi preso. E que foi sua mãe que lhe deu a prescrição médica para uso de medicamento com Alprazolam.

Sem mais artigos