Os dois se separaram recentemente e, quer saber? A coisa foi bem feia. Amber afirmou que Depp bateu nela com um celular e, como prova do crime, mostrou o rosto todo machucado. Disse que ele estava viciado em drogas e álcool e abusava dela. Johnny, logo você?

Os dois se separaram recentemente e, quer saber? A coisa foi bem feia. Amber afirmou que Depp bateu nela com um celular e, como prova do crime, mostrou o rosto todo machucado. Disse que ele estava viciado em drogas e álcool e abusava dela. Johnny, logo você?

Johnny Depp está se preparando para a audiência contra Amber Heard, sua ex-mulher, no próximo mês. Seus advogados separaram mais de 10 testemunhas para depor, que supostamente provariam que a acusação da atriz é mentirosa. Amber acusa o ator de agressão. As informações são do TMZ.

Entre as testemunhas estão 2 agentes que estiveram no loft do casal na noite de 21 de maio, quando Amber afirma que Johnny a atacou. Os dois agentes dirão que não havia nenhuma evidência de agressão no local, já que nada estava quebrado.

Cinco concierges do prédio estão na lista de testemunhas. Todos eles teriam visto Amber Heard no período de 21 a 27 de maio e afirmam que ela não estava com nenhuma machucado no rosto, como aparecia na foto divulgada por ela.

Dois seguranças que estavam de plantão no dia 21 de maio irão testemunhar que Johnny não agrediu Amber. Além disso, os advogados do ator chamarão Jodi Gottlieb, agente de Amber. Há informações de que ela não vai depor, mas a advogada Laura Wasser fará de tudo para que isso aconteça, já que supostamente ela estava presente em todas as discussões de Amber e o advogado.

Também está na lista Hilda Vargas, empregada doméstica. Ela testemunhará sobre a casa, mas não há muitas informações sobre o quê exatamente ela vai falar. Amber Heard também será ouvida e está listada como “testemunha hostil”.

Há também uma lista de provas, que incluem a queixa de Amber por violência doméstica e documentos do caso dos cachorros do casal que foram levados para Austrália. Os advogados de Depp querem retomar esse caso, dizendo que a atriz mentiu ao dizer que não sabia que era ilegal entrar com os animais no país.

Por último, uma foto misteriosa também está entre as provas. Os documentos dizem que, por razões privadas, essa foto só será exibida para os advogados de Amber e a Corte no dia e hora da audiência.

Sem mais artigos