Preste a vir ao Brasil, Madonna pediu que a presidente Dilma Rousseff assista ao show da turnê MDNA, que começará em dezembro no Rio, e passará ainda por São Paulo e Porto Alegre, em entrevista que foi ao ar no Caldeirão do Huck neste sábado (24). 

A cantora conversou com o apresentador Luciano Huck por cerca de 30 minutos no banheiro do hotel onde estava hospedada em Miami, na última quarta-feira (21). Ela disse que espera que não chova, como aconteceu em seus shows no país em 2008.

A cantora falou ainda de seu amor pelo Brasil, de como adorou conhecer favelas de São Paulo e Rio e da vontade de fazer um documentário nesses lugares, mas que lhe falta tempo. “Nas favelas acontecem muitas loucuras, mas tem muito talento e amor. Não encontro isso em nenhum lugar do mundo”, revelou. 

Depois da turnê pela América do Sul, a loira afirmou que vai tirar duas semanas de folga, pois precisa “desesperadamente” de um descanso. No final, Huck ensinou a cantora a dizer em português “eu tô chegando”.

Sem mais artigos