Em outubro de 1995, Lisa Simpson, do seriado Os Simpsons, virou vegetariana após uma conversa com Linda e Paul McCartney. Um ano antes, no dia 1º de novembro de 1994, a sociedade veganada inglaterra completava 50 anos de existência e declarava a data como sendo o Dia Mundial Vegano.

Nesta sexta (1), a comemoração chega a sua 19ª edição e a filosofia de vida motivada por convicções éticas com base nos direitos animais, já ganhou vários adeptos no mundo da fama. O próprio ex-Beatle, Paul McCartney, só aceitou participar do seriado para divulgar a causa e exigiu que Lisa continuasse vegetariana.

Também músico, Chris Martin, líder do Coldplay, não ingere carne. “Não consigo pensar na ideia de uma galinha se despedindo de sua família no começo do dia e não voltando nunca mais”, já disse o cantor a respeito do tema.

No mundo do cinema, uma das maiores ativistas é a estrela Brigitte Bardot. A musa da nouvelle vague, de 79 anos, anunciou em 1973 sua aposentadoria do cinema. No entanto, ela usou sua fama e prestígio para lutar a favor dos direitos dos animais e criou até uma fundação que leva seu nome e é considerada, pelo governo frânces, como organização de utilidade pública desde 1992.

A brasileira Leona Cavalli também engrossa o caldo verde das personalidades vegetarianas. “Quando adolescente, eu era ‘cheinha’. Só consegui estabilizar meu peso quando deixei de comer carne. Fui criada em Rosário do Sul à base de churrasco, mas comecei a me sentir muito melhor ao reeducar minha alimentação. Isso, sem radicalismos. Sou vegetariana há mais de dez anos e me sinto bem mais leve”, disse a atriz em entrevista ao jornal Extra em agosto deste ano.

E não são só estes famosos. Muitos outros deixaram a carne de fora de seus pratos. Confira a galeria com personalidades vegetarianas.

Sem mais artigos