Padre Fábio de Melo revelou para os seus seguidores das redes sociais que fez uma tatuagem na mão: uma abelha de 2 centímetros. Ele também explicou as razões que o motivaram a fazê-la.

“Dei a ela o nome de Ana, o mesmo de minha mãe. Tudo começou com uma abelha que ficava pousando em mim, durante as lives das missas dominicais. […] Quem vem acompanhando já me ouviu falando sobre elas. Será meu sinal. De um tempo difícil, mas também bonito. De reclusão, de vida interior, de buscas e realizações silenciosas. O poeta tem razão: “abelha fazendo mel vale o tempo que não voou…”, escreveu ao mostrar uma imagem da tatuagem.

Na foto, ele também deixou uma frase de sua própria autoria: “Para que eu nunca me esqueça de que o mel é fruta de dedicação, pousei, definitivamente, uma abelha em minha mão”.

Sem mais artigos