Rodrigo Andrade opinou sobre a situação que seu personagem da novela Amor à Vida, o fisioterapeuta Daniel, está vivendo, após pedir para a mulher Perséfone (Fabiana Karla) emagrecer, em entrevista para o site da trama de Walcyr Carrasco, publicada na noite dessa quarta-feira (14).

“Acho que o Daniel ama a Perséfone e quer ficar com ela, pois ele é apaixonado. O fato de ela ser cheinha ou não, não interfere em nada, mesmo porque ele teve que passar por vários obstáculos para conseguir se casar com ela. O que acontece é que ele começa a sofrer um preconceito por parte das pessoas do ambiente de trabalho e isso começa a incomodá-lo. Ele não sabe lidar com isso porque é uma situação que ele nunca vivenciou antes e tudo que é novo a gente não sabe como lidar direito”, comentou o ator.

Nos últimos capítulos da novela, a enfermeira começa a se sentir fraca por não estar se alimentando direito e chega até a desmaiar em pleno trabalho. “Acho que, se a Perséfone for muito clara com ele, tipo, abrir mesmo o coração, expondo que isso magoa muito ela, eles podem achar uma saída para esse problema. Mas isso também é muito complicado, porque o jeito com que ela lida com isso é diferente do dele. É um desencontro de informações que talvez possa acabar com esse relacionamento, que é muito bonito. Ela não sabe o que o incomoda, além de não saber o que a incomoda”, completou Rodrigo.

Qual será o destino do casal na novela hein?

Sem mais artigos