Deborah Secco esteve na festa Carrera Ignition Night, na Casa das Caldeiras, em São Paulo, na noite dessa quinta-feira (25). Essa foi a primeira aparição pública da atriz após se separar do ex-jogador de futebol, Roger Flores, com quem estava casada desde 2009.

Logo ao chegar, a assessora da atriz disse que ela não falaria sobre a vida pessoal. No entanto, ao responder sobre o que significa amor para ela atualmente, a artista foi sucinta: “Família”.

Em relação ao trabalho, ela não confirmou que participará do filme Isto é Calypso, sobre a banda do Pará, e preferiu não se posicionar sobre a declaração da cantora Joelma sobre os homossexuais para a revista Época.

“Não estou falando muito sobre isso, porque ainda não parei para pensar. Acho que temos que ouvir todos os lados, ter calma para julgar, expor nossa opinião. Cada vez mais, tenho optado em não expor minha opinião públicamente, mas na hora que eu tomar a decisão, as pessoas vão saber. Não sei nem em que pé está o filme, acabei de terminar um longa, voltei para série (Louco Por Elas da TV Globo), que vai até junho, estou superfocada nisso e, quando a série terminar, eu começo a pensar nos outros projetos”.

Assim que terminarem as gravações do programa, ela tem um desejo especial: “Se Deus quiser, vou poder tirar um mês de férias, que desde Insensato Coração (novela em que viveu Natalie Lamour) eu não tiro, saí da novela já gravando a série. Quero dormir, descansar. Não sei nem se eu vou conseguir, mas estou torcendo”.

No início deste ano, ela gravou o filme Boa Sorte, dirigido por Carolina Jabor (filha de Arnaldo Jabor), ainda sem data de estreia, em que vive Judite, que é soropositiva. Para essa personagem, a atriz chegou a perder 12 quilos e não se arrepende do sacrifício que fez.

“Já recuperei meu peso, foi muito rápido, na verdade. Foi uma dieta bastante restritiva e quando você volta a comer, acaba engordando muito rápido, parece que suga tudo que você coloca para dentro. Mas foi muito bacana, acabei de assistir o final do filme, é impactante, emocionante. Foi um dos meus melhores trabalhos. Valeu muito a pena o sacrifício de ter emagrecido. Acho que consegui dar uma verdade para a personagem, dar profundidade para ela que, se eu não tivesse feito todas essas restrições alimentares, não teria conseguido”.

No mesmo dia, o jornal Extra publicou uma nota afirmando que Deborah havia perdido sua carteira de motorista após levar várias multas por excesso de velocidade e avançar no sinal vermelho. Porém, ela negou que isso tenha acontecido e esclareceu a situação.

“Não perdi. Às vezes, a gente acaba fazendo umas coisinhas a mais, porque saio muito tarde da gravação, é deserto, a cidade é perigosa. Mas aquele carro não é o meu, está no meu nome, mas quem usa são as pessoas que trabalham comigo. Mas acredito que, nessa fase (após sua separação), tem algumas pessoas me seguindo, daí você tem que fazer algumas coisas erradas para manter a privacidade”, finalizou a atriz.

Veja mais fotos da atriz na galeria acima!

Sem mais artigos