Samuel Cirnansk é conhecido como o mentor dos vestidos de festa e das noivas brasileiras. Neste semestre, o estilista resolveu adotar o sadomasoquismo como inspiração e construiu noivas com os seios a mostra e vestidos curtíssimos.

O verão fetichista do estilista marcou por corselets, transparências, metros de tecidos torcidos, enrolados, transpassados e costurados para dar vida aos vestidos.

Os comprimentos foram diferentes pois, além dos longos, Samuel apresentou curtos tão curtos que pareciam maiôs de noiva.

Os destaques ficaram para os corselets de várias cores, vestidos até os joelhos, transparências, a sandália que imitava as akle boots e os recortes feitos nos vestidos de festa.

Um desfile incrível que fechou o sexto e penúltimo dia de SPFW.

Mais:

Veja fotos do desfile

Sem mais artigos