As mulheres se revoltaram esse ano, e com certeza os organizadores do concurso Miss Universo não esperavam por essa. Não entendeu? Calma, a gente explica.

As representantes eleitas para concorrer esse ano, não aceitam ser analisadas pela sua beleza. Como exemplo, a Miss Tanzânia, Flaviana Matata, vai concorrer ao concurso literalmente de cabeça raspada, "Eu nunca vou deixar alguém me definir pelo meu cabelo, já que Deus me fez perfeita como uma mulher africana pura e natural", disse ela.

Medidas por parte das garotas foram tomadas, mas quem levou de forma drástica e bem séria, foi a representante da Suécia, Isabel Lestapier Winqvist, 20 anos, desistiu de participar do concurso por considerá-lo degradante para a imagem da mulher, informou a agência AP.

O Miss Universo acontece hoje, às 22 horas, e será transmitida pela Band diretamente do México.

Mais:

Veja quem são as concorrente ao Miss Universo esse ano

Sem mais artigos