Depois de ser chamada de “prostituta de luxo” pelo pai de seus filhos, o empresário Evaldo Ulinski, Val Marchiori resolveu revidar e prestou queixa na Delegacia da Mulher, como informa a coluna de Ricky Hiraoka, da Veja SP, que estará nas bancas neste domingo (19).

A participante do reality Mulheres Ricas entrou com uma ação criminal que diz que o empresário teria contratado um capanga para invadir sua mansão em Angra dos Reis, Rio de Janeiro, e feito ameaças para a socialite.

Uma medida cautelar proíbe Evaldo de chegar perto de Val ou ter contato com ela. “Aqui se faz, aqui se paga”, diz Val de forma vingativa para a coluna.

Além desse barraco, o colunista informa que os dois já estão em uma briga judicial sobre o valor da pensão alimentícia – Val tem gêmeos do empresário – e o valor gira em torno de R$ 200 mil.

Veja acima a galeria do reality Mulheres Ricas.

Sem mais artigos