O jornalista deixou o 'Fantástico' para apresentar a nova versão do 'Vídeo Show' no finalzinho de 2013. O público não aprovou Zeca como apresentador e a atração virou fracasso de audiência.

Divulgação / TV Globo

A Justiça determinou que Zeca Camargo terá que pagar uma indenização por danos morais de R$ 60 mil ao pai de Cristiano Araújo e a empresa que cuidava da carreira do sertanejo, informou o jornal Folha de S.Paulo. Cristiano morreu em um acidente de carro em junho de 2015.

Metade do valor irá para João Reis de Araújo, pai do cantor, e o resto para a C.A. Produções Artísticas. O apresentador tem até 15 dias para recorrer da sentença da juíza Rozana Fernandes Camapum, da 17ª Vara Cívil de Goiânia.

 Cristiano Araújo

Flaney Gonzallez/Divulgação Cristiano Araújo

O apresentador do É de Casa, da TV Globo, afirmou ao jornal: “embora nunca tenha ofendido nem ao cantor nem a ninguém da sua família (e muito menos seus fãs) numa crônica mal interpretada que comentava não sobre a qualidade da uma manifestação artística, mas sobre a repercussão do acontecido na mídia, e apesar de ter pedido desculpas publicamente à época, tomei conhecimento hoje do teor da sentença e vou recorrer”.

Na ocasião da morte de Cristiano Araújo, que causou comoção nacional, Zeca Camargo fez uma coluna em que questionava o alcance da fama do sertanejo. Ele se desculpou publicamente no Vídeo Show.

Sem mais artigos