A Toro Rosso anunciou nesta segunda-feira (18) que o holandês Max Verstappen substituirá o francês Jean Eric Vergne como titular em 2015 e será o companheiro do russo Daniil Kvyat, tornando-se, aos 17 anos, o piloto mais jovem da história da Fórmula 1.

Filho de Jos Verstappen, que competiu na categoria de 1994 a 2003 por sete equipes, Max foi recém-contratado para o programa de jovens talentos da Red Bull, que tem a Toro Rosso como uma espécie de “escuderia satélite”. O holandês foi campeão mundial de kart e hoje disputa o Europeu de Fórmula 3.

O piloto, que fará 17 anos no dia 30 de setembro, se tornará o mais jovem a participar de um Mundial da categoria. O atual recorde é do espanhol Jaime Alguersuari, que aos 19 anos e 125 dias estreou na F-1 no Grande Prêmio da Hungria de 2009.

Sem mais artigos