O espanhol Dani Pedrosa, da Honda, quebrou a sequência de 10 vitórias na temporada do compatriota e companheiro de equipe, Marc Márquez, ao levar a bandeirada do Grande Prêmio da República Tcheca, disputado no circuito de Brno.

O vice-líder do Campeonato Mundial de MotoGP largou apenas na quinta posição, mas teve desempenho muito regular, deixando Márquez, que largou mal, para trás, depois os italianos Andrea Iannone e Andrea Dovizioso, da Ducati, que assumiram as primeiras colocações, e por último o espanhol Jorge Lorenzo.

Marc Márquez, que terminou a prova na quarta colocação, viu a diferença para o rival cair de 89 para 77 pontos, faltando sete provas para o fim do campeonato, em que serão disputados ainda 125 pontos.

Hoje na República Tcheca, além de Pedrosa, Jorge Lorenzo e o italiano Valentino Rossi, ambos da Yamaha, completaram o pódio, ficando com segundo e terceiro lugares, respectivamente.

Com o resultado de hoje, pela primeira vez desde o Grande Prêmio de Valencia, o último da temporada passada, Márquez deixa de vencer uma prova. Se ficasse com o primeiro lugar hoje, o espanhol igualaria o italiano Giacomo Agostini e o australiano Mick Doohan, ocupando 11 vezes seguidas o lugar mais alto do pódio.

 

Sem mais artigos