O sérvio Novak Djokovic saiu perdendo no placar e teve muito trabalho, mas conseguiu se garantir na decisão do Master 1000 de Monte Carlo ao bater o suíço Stanislas Wawrinka neste sábado por 2 sets a 1, parciais de 4/6, 6/1 e 6/3.

Depois de ser derrotado no primeiro set, o atual número três do mundo precisou explorar o nervosismo do compratriota de Roger Federer para mudar o panorama da partida (que teve 2h30 de duração), e garantir a sua classificação para a última fase do torneio.

Agora, o tenista da Sérvia aguarda o confronto entre o espanhol Rafael Nadal e o britânico Andy Murray para conhecer seu adversário na final do Master 1000 de Monte Carlo.

Vale lembrar, que com a vaga garantida na decisão, Novak Djokovic deve permanecer na 3ª colocação do ranking da ATP, se livrando da perseguição contínua que Murray vem fazendo nas últimas semanas.

Sem mais artigos