O mafioso Carl Williams foi enterrado nessa sexta em um caixão de ouro avaliado em R$ 53 mil. Ele ficou famoso na Austrália como “o assassino com cara de bebê”.

Williams foi uma dos mafiosos mais importantes em uma guerra entre gangues que aconteceu em Melbourne nos anos 90. Ele foi retratado na série Underbelly, muito popular na Austrália.

Aos 39 anos, Williams estava preso em uma cadeia de segurança máxima em Victoria. Outro preso usou uma peça quebrada de uma bicicleta ergométrica para matar o chefão do crime australiano. Williams cumpria 35 anos sem liberdade condicional por 3 assassinatos. Estima-se que ele esteja diretamente envolvido com outros 25 assassinatos.

Na cerimônia estiveram presentes familiares e cerca de 100 convidados. Em determinado momento, Judy Moran se aproximou carregando uma urna funerária com as cinzas de seu marido e seu filho, mortos por ordens de Williams.

O caixão de ouro foi baseado no modelo usado por Michael Jackson.

Sem mais artigos